face

Frases e expressões para fazer pedidos em restaurantes

Olá, Cidadãos do Mundo!

Hoje vamos trazer dicas sobre um assunto muito interessante e que todo mundo adora: alimentação!

Quando viajamos para outros países, além de uma série de pontos turísticos, passeios, museus e locais interessantes para conhecer, algo que nos interessa muito é conhecer as comidas típicas do local em que estamos. Ainda que você não goste de comidas típicas diferentes e prefira comer em restaurantes mais tradicionais, ou mesmo lanches e fast-foods, é essencial saber se comunicar em Inglês para não passar aperto! Anote estas frases no seu diário de viagens e aproveite!

  • O cardápio

Basicamente, o cardápio é dividido em:

First Course (prato de entrada). Aqui você encontrará petiscos e porções, muito similar aos cardápios do Brasil.

Second Course ou Main Course (prato principal)

Dessert (sobremesa)

Drinks ou Beverages (bebidas). Vale lembrar a diferença de vocabulário nos países falantes da Língua Inglesa. Nos Estados Unidos, por exemplo, utiliza-se soda ou pop para “refrigerante”. Já na Inglaterra, chama-se de fizzy drinks.

 

  • Frases e expressões em Inglês para fazer reserva em restaurantes

I’d like to make a reservation for Thursday night at seven o’clock, please. –Eu gostaria de fazer uma reserva para quinta-feira à noite às sete horas da tarde, por favor.

I’d like a table for four inside, please. – Eu gostaria de uma mesa para quatro pessoas do lado de dentro, por favor.

 

  • Outras dicas:

– Com relação à localização da sua mesa, você pode reservar inside (do lado de dentro) ou outside (do lado de fora).

– Quando o restaurante estiver cheio e é necessário aguardar, possivelmente você verá uma placa com os dizeres waithere, please.

– Utilize smokingtable para mesas na área de fumantes ou  non-smokingtable (não fumantes) para o contrário.

 

  • Frases e expressões em Inglês para fazer o pedido:

Could you bring me the menu, please? – Você pode me trazer o cardápio, por favor?

Can we have some orange juice, please? – Você pode nos trazer um suco de laranja, por favor?

Can I have the special dish of the day, please? – Você pode trazer o prato especial do dia, por favor?

Could you bring me a napkin, please? – Você poderia me trazer um guardanapo, por favor?

Could I have another beer, please? – Você poderia me trazer mais uma cerveja, por favor?

I’d like to have some spaghetti. – Gostaria de pedir um espaguete.

Is it enough to share? – É suficiente para dividir?

Would you recommend the T-bone steak?– Você recomendaria o T-bone?

What would you recommend?– O que você recomendaria?

What is the caesar sauce like?– Como é o molho caesar?

 

  • Outras situações, como reclamações:

I’d like to speak to the manager, please. – Gostaria de falar com o gerente, por favor.

Excuse me, there is a problem with my food. – Com licença, há um problema com a minha comida.

 

  • Frases e expressões em Inglês para pagar a conta:

May I have the bill, please? – Você pode trazer a conta, por favor? (Mais utilizada no Canadá e no Reino Unido).

May I have the check, please? – Você pode trazer a conta, por favor? (Mais utilizada nos Estados Unidos).

We would like to pay separately. – Nós gostaríamos de pagar separadamente.

Is service included? – A taxa de serviço está inclusa?

 

Conte pra gente se estas dicas te ajudaram em suas viagens internacionais!

Clique aqui e conheça mais sobre o Yázigi Curitiba!

 

 

 

yazigi viagens

Aproveite sua viagem de férias e pratique inglês – Dicas de Orlando

Se você está estudando inglês e deseja fazer uma viagem para colocar em prática aquilo que está aprendendo, existem excelentes destinos para conhecer, fazer amigos, visitar pontos turísticos, conhecer a gastronomia local além de praticar inglês.

A primeira opção que recomendamos seria os Estados Unidos e escolhemos a cidade de Orlando para falar um pouco nesse artigo.

Em algumas cidades dos Estados Unidos, como é o caso de Miami, talvez você não consiga colocar muito em prática o que aprendeu, você inclusive terá muitas pessoas atendendo você em espanhol ou até arriscando o português, mas exceto Miami, a grande maioria das cidades americanas, você vai conseguir colocar a prática do inglês em ação.

Para quem gosta de parques temáticos e muita adrenalina, o destino certo é Orlando, além da temperatura ensolarada durante o ano inteiro, você terá diversão de sobra e com ela vai conseguir colocar seu inglês em prática. Entre os melhores parques de Orlando temos a Disney e a Universal. No complexo da Disney são 4 parques temáticos: Magic Kingdom, Epcot, Hollywood Studios, Animal Kingdom e no complexo da Universal você terá 2 parques: Universal Studios e Island of Adventure. Se você for daqueles que quer se molhar, ainda terá 3 opções de parques aquáticos na Disney e o mais recente inaugurado em 2017 da Universal, Volcano Bay. Se você quiser ir em todos eles, vai ter que reservar pelo menos 9 dias em Orlando somente para os parques.

Orlando é uma típica cidade turística dos Estados Unidos, por esse motivo, recebe milhões de turistas todo ano, e tem diversas coisas para fazer tanto de dia quanto de noite.

Durante o dia, você ainda poderá se aventurar nas compras e praticar o inglês a vontade, o que não faltam são outlets, que são uma mistura de ponta de estoque com uma loja normal. E lá também tem os famosos Premium Outlets, e o difícil vai ser você não encontrar a marca que procura. Reserve pelo menos 2 dias para as compras, porque você vai querer andar pelos enormes corredores de lojas que existem.

Atualmente para se hospedar em Orlando, muitos brasileiros tem preferido alugar casas de temporada, porque além do conforto de ficar com todo o grupo junto, você encontra preços muito acessíveis para casas que podem ter piscina, cozinhas completas, lavanderia etc., mas se você preferir a comodidade de um hotel, são diversas opções que Orlando oferece, desde hotéis temáticos para quem vai com as crianças, até hotéis altamente luxuosos e sofisticados para quem quer apenas curtir uma lua de mel a dois.

Se você quiser dicas de passaporte, visto, compra de pacotes, ou simplesmente mais dicas de viagem, venha tomar um cafezinho com a gente no Yázigi, e vamos adorar ajudá-lo.

O Yázigi além de cursos de idiomas, também tem uma exclusiva agência de intercâmbios, a Yázigi Travel, e se não quiser fazer apenas uma viagem turística, mas quer viajar apenas para estudo, temos o pacote certo para você.

E para finalizar, uma dica valiosa para quem quer colocar em prática o que está aprendendo, finalize ao menos 2 anos de curso de idiomas regular, porque assim terá muito mais fluência para aproveitar, praticar e se divertir numa viagem turística de menos de 15 dias. Vai ser o momento certo, para ter certeza que é um cidadão bilíngue. Mas se você acabou de começar o curso, deixe suas inibições de lado, e não ligue em acertar ou errar, como um nativo da língua portuguesa, os americanos são muito simpáticos e receptivos, e terão o prazer de auxiliar você na comunicação em inglês. Se viajar com brasileiros fluentes no inglês, não permita que eles resolvam as situações para você, quebre a cabeça e se comunique, mesmo que a mímica ajude um pouco. Vai valer a pena!

021

Dicas de destinos para curtir as férias de Julho

Julho está chegando e, normalmente, neste período, muitas pessoas aproveitam as férias do trabalho ou da faculdade para viajar. Pensando nisso, o Yázigi Curitiba separou alguns destinos nacionais e alguns destinos internacionais próximos aqui do Brasil para você conhecer.

Santiago – Chile

Uma boa pedida para o inverno é o Valle Nevado, no Chile. Apesar de disputado, o local a uma hora de Santiago encanta os brasileiros e se destaca como um dos melhores destinos da temporada na América do Sul. São várias pistas de esqui – com direito a aulas – para aproveitar, além de resorts que oferecem spa, piscina aquecida, festas animadas, salas de cinema entre outros!

Bariloche – Argentina

Queridinho dos brasileiros, o destino fica ainda melhor no mês de julho por conta da temperatura. A protagonista da estação é a neve, permitindo atividades divertidas que são impossíveis no Brasil. Entre os atrativos que tanto chamam a atenção estão as estações de esqui e snowboard, as lojas de chocolate e trilhas entre paisagens exuberantes.

São Joaquim – Santa Catarina

Quem pensa que no Brasil não neva está muito enganado. Com temperaturas abaixo de zero, São Joaquim é uma das cidades abençoadas pela neve ocasional que atrai turistas do país todo. A região, que inclui Urupema e Urubici, tão frias quanto, é cercada de verde e tem atrações entre as montanhas, como vinícolas, a Pedra Furada e a Serra do Rio do Rastro, em Bom Jardim da Serra.

Campos do Jordão – São Paulo

Com arquitetura ao estilo alpino, muitas boutiques, restaurantes aconchegantes e baladas animadas, Campos do Jordão é um dos principais refúgios dos paulistanos quando as temperaturas caem.  É na pequena cidade que acontece um dos maiores festivais de inverno da América Latina, em julho.

Cunha – São Paulo

Esta pequena cidade no interior de Sampa e próxima a Paraty, no Rio de Janeiro, fez um baita sucesso aqui no blog por conta de seus belos campos de lavanda, além de ser uma região montanhosa com paisagens bucólicas e pousadas charmosas. Durante o mês do julho, a grande atração é o Festival de Inverno “Acordes na Serra”, presente na região há duas décadas. O evento conta com exposições, shows e concertos. Há ainda, no mesmo mês, a Festa do Divino.

Guaramiranga – Ceará 

É inacreditável o quanto o Ceará consegue ser multifacetado. Pouca gente sabe, mas no Maciço de Baturité tem uma cidade nordestina que é apelidada de “Suíça cearense” e “Cidade das Flores”. Guaramiranga é uma região serrana onde os termômetros marcam entre 15ºC e 23ºC, muito mais amenas do que o litoral. Para quem quer curtir o visual e relaxar, é o lugar ideal. Agraciado pela natureza, o lugar também é propício para o ecoturismo.

Gonçalves – Minas Gerais

Rodeada por montanhas repletas de grandes Araucárias e Pinheiros, o município de Gonçalves já pega os turistas pela comida mineira, feita no fogão à lenha. As pousadas se destacam pela vista para a natureza, ideal para quem quer tranquilidade. O centro tem cara de interior, pequeno, pacato, mas com boas opções gastronômicas.

Mendoza – Argentina

Partindo de Buenos Aires ou em voos diretos você pode chegar a Mendoza, destino conhecido pela neve, vinícolas e águas termais. Entre as montanhas dos Andes, a região tem atrações que incluem tour pelos vinhedos, passeios a cavalo, descanso nas estações hidrotermais e spas, além de esqui na estação de Los Penitentes.

La Paz – Bolívia

A capital mais alta do mundo é uma boa pedida para o inverno porque este é o período no qual as chuvas dão uma trégua. Os meses de junho e julho (o período mais frio) são os mais secos, o que torna os passeios mais agradáveis. Conheça o centro histórico, os museus e o fascinante Mercado das Bruxas, onde há uma porção de ervas medicinais e outros itens típicos à venda pelas índias aymara. Além de ter contato com a cultura andina, a viagem pode te levar ainda para outros caminhos mais distantes, como ao Salar de Uyuni e, quem sabe, até Machu Picchu.

Cancún – México

Tudo bem, você viu a lista toda cheia de montanhas, neve e lugares pra curtir um friozinho. Mas se você prefere curtir a luz do sol, uma boa pedida é aproveitar o período para visitar Cancún. A temporada de furacões costuma baixar os preços do Caribe entre junho e novembro, mas a maioria só acontece mesmo entre setembro e outubro. Porém, o mês de julho ainda é um bom período para viajar a Cancún, que tem queda nos preços e boa temperatura para aproveitar as praias paradisíacas e os parques. Não deixe de ir ao parque Xcaret e ao Museu Subaquático.

 

Gostou? Conte pra gente nos comentários onde você vai passar suas férias!

E para você que vai ficar por aqui, aproveite para fazer um intensivo de Inglês e cursar 6 meses em apenas 1 mês!

Saiba mais!

004

O que fazer em Toronto

A Cidade de Toronto (antiga York) foi fundada em 1834 e hoje sua região metropolitana já tem mais de 5,5 milhões de habitantes, número que a torna a maior cidade do Canadá. Grande parte da cidade é nova, moderna, com ruas largas e edifícios altos, mas em meio à modernidade há espaço para bairros boêmios, com prédios antigos e de estilo inglês.

Uma parada obrigatória é a Younge-Dundas Square, conhecida como a “Times Square” de Toronto. No coração da cidade, esta praça sedia eventos culturais, apresenta grandes letreiros de propaganda e oferece diversas lojas e acesso ao sistema de comércio subterrâneo, com quase 30 km de extensão! No inverso, o Path, como é conhecido este local, é uma ótima opção com muitas opções de lojas, bancos e praças de alimentação.

Outro destaque em Toronto é a CN Tower, uma torre de comunicação que está no hall das mais altas do mundo e oferece uma vista panorâmica (e incrível) da cidade! Além disso, na CN Tower você pode jantar em um restaurante panorâmico, andar em uma plataforma de vidro ou, ainda, caminhar na parte externa da torre, em uma plataforma a 356 m de altura! Essa é para os corajosos!

Após visitar a CN Tower você pode aproveitar para visitar o Rogers Centre, o estádio de baseball que recebe os torcedores do Blue Jays, o time de baseball de Toronto e na sequência o Steam Whistle, uma cervejaria artesanal que oferece tours guiados para mostrar o processo de produção da cerveja.

Também relacionado ao esporte, que é uma paixão dos canadenses, pode valer a pena uma visita ao Hockey Hall of Fame, um museu dedicado ao hóquei e às estrelas do esporte no país.

Para conhecer um pouco da antiga Toronto, visite a Casa Loma, um “castelo” da cidade. A residência, que tem 98 quartos, pertenceu a um empresário riquíssimo e hoje se tornou um museu onde os visitantes podem conhecer suas acomodações e ver de perto o glamour de uma residência de família abastada antigamente. Perto da Casa Loma, fica o Spadina Museum, um museu-residência, onde todas as visitas são guiadas, e que conta a história da família Austin, que viveu na casa no passado. Para quem gosta de passeios culturais, outras alternativas são a Art Gallery of Ontario, o gigante museu de história natural e cultura Royal Ontario Museum, que tem fósseis de dinossauros, e o Ontario Science Centre, ideal para famílias com crianças.

Distillery District, um distrito com vários galpões industriais onde antigamente ficava uma destilaria, é hoje um bairro charmoso, com galerias de arte, ateliês, lojas, restaurantes e cervejarias artesanais, que são uma boa pedida para desgustar bebidas ou curtir a noite.

Passeios 
O centro de Toronto é uma área muito urbana, mas basta sair um pouquinho de Downtown para poder contemplar cenários naturais. Um deles é Toronto Islands, um arquipélago do Lago Ontário que fica a apenas alguns minutos de ferry do centro. As ilhas arborizadas têm canais para andar de caiaque, parques para fazer piquenique, ciclovias, praias e uma atmosfera ótima para curtir uma atividade ao ar livre. O lugar é encantador, ideal para andar de bicicleta e aproveitar um dia de sol, principalmente no verão.

Mais distante um pouco, a cerca de 140 km de Toronto, fica um dos lugares mais bonitos do Canadá e, para algumas pessoas, um dos lugares mais bonitos do mundo: as Cataratas do Niágara! As quedas d’águas na fronteira entre Canadá e Estados Unidos são maravilhosas e, por estarem próximas à capital da província, encaixam perfeitamente em um passeio bate-volta. Na hora de programar sua viagem a Toronto, reserve ao menos um dia para visitar esse lugar! As cataratas têm uma força d’água impressionante, chegam a ter um volume de água de 2.400m³/s e uma delas tem 792 m de extensão!

 

Curtiu?

Fique de olho no blog para conferir mais dicas de viagem!

E não deixe de aprender Inglês para curtir ainda mais suas viagens!

st-julians-malta

Intercâmbio em cidades com poucos brasileiros #2

Aproveite seu intercâmbio para praticar a imersão completa na Língua Inglesa

Ao fazer um intercâmbio para aprender ou aprimorar o Inglês, existem algumas armadilhas que podem  fazer com que o seu estudo da língua não seja tão produtivo; a principal delas é a convivência com muitos conterrâneos, afinal, você acaba naturalmente se comunicando em Português e perde a oportunidade de intensificar sua imersão no Inglês e na cultura local. O Yázigi Curitiba separou mais 5 cidades para você fazer intercâmbio que costumam receber menos brasileiros:

 

  • Jeffreys Bay, África do Sul: Jeffrey’s Bay fica na província de Eastern Cape e é um dos paraísos dos surfistas! Com ondas incríveis e clima quente, a cidade faz parte do circuito de surfe mundial e por isso oferece muitas atrações praianas! Se você não surfa, não tem problema, pois Jeffrey’s Bay oferece também lindas paisagens e praias paradisíacas para você apreciar! O inglês, como em toda a África do Sul, é falado em meio às línguas e dialetos locais.

jeffreys-bay-africa-do-sul

  • Liverpool, Inglaterra: Bem vindo à cidade dos Beatles! Liverpool é uma cidade muito receptiva para estudantes estrangeiros e oferece um custo mais baixo comparado a outras cidades da Inglaterra. Além disso, Liverpool é uma boa pedida para quem gosta de arte, já que a cidade conta com muitas galerias de arte e eventos culturais, além de muito rock’n’roll!

liverpool-inglaterra

  • Seattle, Estados Unidos: Classificada como uma das melhores cidades dos Estados Unidos para morar, Seattle é a maior cidade do estado de Washington e fica próxima à fronteira com o Canadá. A cidade ainda abriga diversos museus, parques naturais e outras atrações culturais.

seattle-estados-unidos

  • St. Julian’s, Malta: A República de Malta fica na ilha de Malta, próxima ao sul da Itália, no mar Mediterrâneo, e tem como línguas oficiais o maltês e o inglês. Saint Julian’s é uma pequena e paradisíaca cidade que mistura vilas de pescadores com o turismo. As águas cristalinas do mar e as opções de passeios encantam qualquer um.

st-julians-malta

  • Whistler, Canadá: Cheia de atrações, Whistler sediou as Olimpíadas de Inverno de 2010 e reúne mais de 200 pistas de esqui! A cidade ainda tem muitas atrações noturnas como bares, pubs e restaurantes, proporcionando muita diversão para quem vem estudar por aqui!

whistler-canada

 

Se você quiser conhecer mais sobre intercâmbios e dicas para aprender Inglês, fale com a gente!

edinburgo

Intercâmbio em cidades com poucos brasileiros #1

Aproveite seu intercâmbio para praticar a imersão completa na Língua Inglesa

Ao fazer um intercâmbio para aprender ou aprimorar o Inglês, existem algumas armadilhas que podem  fazer com que o seu estudo da língua não seja tão produtivo; a principal delas é a convivência com muitos conterrâneos, afinal, você acaba naturalmente se comunicando em Português e perde a oportunidade de intensificar sua imersão no Inglês e na cultura local. O Yázigi Curitiba separou algumas cidades para você fazer intercâmbio que costumam receber menos brasileiros; aqui você confere 5 dessas cidades!

  • Adelaide, Austrália: Com 1,5 milhões de habitantes, Adelaide é uma cidade charmosa próxima ao mar com muitos restaurantes e cafés cercados de áreas verdes. Adelaide é a capital de South Australia, conhecido como o estado dos festivais e que recebe muitos eventos culturais.

adelaide

  • Belfast, Irlanda do Norte: com pouco mais de 300 mil habitantes, Belfast, capital da Irlanda do Norte é uma cidade pequena e fascinante, cercada por belas montanhas e palco de manifestações artísticas. É também uma das cidades mais baratas do Reino Unido para fazer intercâmbio.

belfast

  • Christchurch, Nova Zelândia: a maior cidade da ilha Sul, Christchurch é uma das cidades mais simpáticas da Nova Zelândia, conhecida como a “cidade jardim”. Lá você pode esquiar, jogar golfe, pular de bungy, fazer rafting, mountaing biking, windurf e ainda visitar os melhores vinhedos do mundo.

christchurch

  • Galway, Irlanda: pequena e com atmosfera de interior, Galway é uma das cidades mais charmosas da Irlanda, conhecida por ser uma das cidades que mais preservou a cultura e tradição do povo irlandês. Com clima boêmio e receptivo, é uma das cidades que mais tem atraído estudantes do mundo todo!

galway

  • Edinburg, Escócia: Edimburgo é considerada uma das mais belas capitais da Europa, com arquitetura e paisagens de tirar o fôlego! O país mantém incríveis tradições culturais como as gaitas de fole e os kilts coloridos, além da estrutura medieval que confere um ar místico e misterioso à cidade!

edinburgo

Quer saber mais sobre Intercâmbio? Fale com a gente!

Sem-título-2

Intercâmbio – conheça as opções existentes

 

Se você tem o desejo de obter uma vivência internacional por meio de um intercâmbio, deve saber também que há diversos tipos. Eles variam conforme a necessidade e o objetivo: estudo, trabalho, ambos ou mesmo nenhum deles (apenas para conhecer o país e sua cultura).

A melhor forma de fazer essa escolha é procurando uma agência de intercâmbio, que irá dar detalhes de um determinado programa que se encaixe no seu caso. E em cada empresa os tipos de programas de intercâmbio variam. Mas, para você ter o conhecimento das opções existentes, listamos abaixo.

Estudo de inglês (ou outro idioma)
Assim como no Brasil, há cursos de idiomas para aprendizado geral ou para algum objetivo determinado (como para negócios ou preparação para exames de proficiência). Ao escolher um intercâmbio para aprender ou melhorar seu nível do idioma, você deve escolher qual será o tipo de curso (conforme duração, nível do idioma e intensidade). Os programas também variam conforme a idade do intercambista.

Estudo de ensino médio
O intercâmbio para “high school”, como é chamado nos países onde o inglês é a língua oficial, é direcionado para jovens de 14 a 18 anos, para que façam ensino médio (parcial ou completo) em uma escola estrangeira. É ideal para quem quer ter vivência no exterior e adquirir fluência no idioma desde cedo, além de imergir na outra cultura. O aluno deve ter, ao menos, o idioma no nível intermediário.

Estudo acadêmico
Caso você tenha completado o ensino médio e queira cursar um curso superior, pós-graduação ou extensão, há também várias opções. Primeiro, é preciso ter uma proficiência mínima no idioma, comprovada por um exame como TOEFL, IELTS ou outro (quem exige é a universidade). Depois, é só escolher o curso e a universidade. Também é possível transferir de uma universidade brasileira para a estrangeira, mas é preciso obter informações na instituição brasileira.

Estudo em curso técnico ou livre
O curso técnico, na maioria dos países que aceitam esse programa, tem duração máxima de 2 anos – assim como no Brasil. É perfeito para quem quer adquirir fluência no idioma e ainda se qualificar mais rapidamente para exercer uma profissão, em diversas áreas de atuação.

Estudos em pós-graduação ou extensão universitária
Seja uma especialização, mestrado, doutorado ou MBA, você pode continuar seus estudos após a graduação em um programa de intercâmbio, no país e na instituição que preferir. Além de obter os conhecimentos necessários para a sua carreira, com o peso de ter feito um curso no exterior, adquire total fluência no idioma.

Trabalho como babá (au pair)
Esse é um dos programas mais escolhidos por jovens de 18 a 26 anos, por permitir que o intercambista trabalhe como babá das crianças da família estrangeira, ganhando por isso e se hospedando com a mesma. Tem um baixo investimento comparado aos outros programas e, devido ao trabalho ser remunerado, o retorno sobre o investimento nesse programa é alto – podendo ser reinvestido em cursos e em viagens pelo país escolhido.

Outros tipos de trabalho
Se você acha que não tem jeito com crianças e não quer ser au pair, há opções de programas que oferecem trabalhos diversos, em estabelecimentos comerciais ou mesmo na Disney! Mas, para isso, é preciso que você tenha nível avançado do idioma, para poder se comunicar com os clientes, chefes e colegas de trabalho. Então, o programa é para quem quer melhorar a fluência e ter contato direto com o trabalho e cultura local.

Estudo e trabalho
Se quer tanto trabalhar quanto estudar, esse é o programa que pode ser o melhor para você – caso tenha mais de 18 anos e inglês intermediário ou avançado. Ao trabalhar num período predeterminado e estudar o idioma em outro, você tem contato constante com a língua e recebe pelo seu trabalho, podendo reinvestir em viagens e passeios pelo país escolhido.

Voluntariado
O trabalho voluntário melhora o intercambista como pessoa e como profissional – e esse tipo de trabalho é muito bem visto nos currículos atualmente, em qualquer lugar do mundo. Além disso, nesse tipo de intercâmbio, você obtém forte contato com a cultura e adquire fluência no idioma. As opções desse tipo de programa são, geralmente: trabalho para auxílio a crianças, animais, meio ambiente e em comunidades carentes, no país que escolher.

Estágio ou trainee
Se você está concluindo uma graduação ou mesmo é recém-formado, pode optar pelo intercâmbio de estágio ou trainee, para colocar em prática o que aprendeu, ter conhecimento de como sua área de atuação funciona no país escolhido, adquirir fluência no idioma e, com isso, melhorar seu currículo e receber ótimas oportunidades no Brasil e no mundo.

Em casa de família
Se você não deseja estudar ou trabalhar no intercâmbio, pode optar por se hospedar em uma casa de família. Nesse tipo de intercâmbio o foco é conviver com as pessoas do país de modo informal, ficar imerso à cultura local e adquirir fluência no idioma por meio da prática no dia a dia.

Você tem vontade de fazer um intercâmbio? Ligue pra gente aqui no Yázigi Curitiba ou mande uma mensagem para conhecer mais!

 

premio nanda cópia

20/08/15 – Premiação merecida!

A arte de vender não é fácil. É preciso amar no que faz. Com muita determinação e foco, a nossa querida assessora comercial, Nanda, ganhou a premiação por melhor número de matrículas realizadas em Julho.

Foi com muito orgulho que entregamos essa linda cesta a ela.

Parabéns, Nanda! Continue assim! O Grupo Yázigi Curitiba está muito contente em tê-la na equipe.

premio nanda cópia

ytravel

Palestra de intercâmbio

Hoje foi um dia especial!

Em palestra com a coordenadora pedagógica Annie, o programa Yázigi Travel é apresentado aos alunos e a visitantes da escola. 

O programa possibilita intercâmbios em mais de 25 países, integrando o aluno ao cotidiano e às vivências culturais do país escolhido, além de desenvolver a fluência na língua estrangeira.

Que tal fazer tudo isso trabalhando ou estudando no exterior?

São vários programas e destinos de intercâmbio!

Escolha seu destino e venha para o Yázigi ser cidadão do mundo!

Venha para o Yázigi!
(41) 3232-2404 

 

ytravel