004

O que fazer em Toronto

A Cidade de Toronto (antiga York) foi fundada em 1834 e hoje sua região metropolitana já tem mais de 5,5 milhões de habitantes, número que a torna a maior cidade do Canadá. Grande parte da cidade é nova, moderna, com ruas largas e edifícios altos, mas em meio à modernidade há espaço para bairros boêmios, com prédios antigos e de estilo inglês.

Uma parada obrigatória é a Younge-Dundas Square, conhecida como a “Times Square” de Toronto. No coração da cidade, esta praça sedia eventos culturais, apresenta grandes letreiros de propaganda e oferece diversas lojas e acesso ao sistema de comércio subterrâneo, com quase 30 km de extensão! No inverso, o Path, como é conhecido este local, é uma ótima opção com muitas opções de lojas, bancos e praças de alimentação.

Outro destaque em Toronto é a CN Tower, uma torre de comunicação que está no hall das mais altas do mundo e oferece uma vista panorâmica (e incrível) da cidade! Além disso, na CN Tower você pode jantar em um restaurante panorâmico, andar em uma plataforma de vidro ou, ainda, caminhar na parte externa da torre, em uma plataforma a 356 m de altura! Essa é para os corajosos!

Após visitar a CN Tower você pode aproveitar para visitar o Rogers Centre, o estádio de baseball que recebe os torcedores do Blue Jays, o time de baseball de Toronto e na sequência o Steam Whistle, uma cervejaria artesanal que oferece tours guiados para mostrar o processo de produção da cerveja.

Também relacionado ao esporte, que é uma paixão dos canadenses, pode valer a pena uma visita ao Hockey Hall of Fame, um museu dedicado ao hóquei e às estrelas do esporte no país.

Para conhecer um pouco da antiga Toronto, visite a Casa Loma, um “castelo” da cidade. A residência, que tem 98 quartos, pertenceu a um empresário riquíssimo e hoje se tornou um museu onde os visitantes podem conhecer suas acomodações e ver de perto o glamour de uma residência de família abastada antigamente. Perto da Casa Loma, fica o Spadina Museum, um museu-residência, onde todas as visitas são guiadas, e que conta a história da família Austin, que viveu na casa no passado. Para quem gosta de passeios culturais, outras alternativas são a Art Gallery of Ontario, o gigante museu de história natural e cultura Royal Ontario Museum, que tem fósseis de dinossauros, e o Ontario Science Centre, ideal para famílias com crianças.

Distillery District, um distrito com vários galpões industriais onde antigamente ficava uma destilaria, é hoje um bairro charmoso, com galerias de arte, ateliês, lojas, restaurantes e cervejarias artesanais, que são uma boa pedida para desgustar bebidas ou curtir a noite.

Passeios 
O centro de Toronto é uma área muito urbana, mas basta sair um pouquinho de Downtown para poder contemplar cenários naturais. Um deles é Toronto Islands, um arquipélago do Lago Ontário que fica a apenas alguns minutos de ferry do centro. As ilhas arborizadas têm canais para andar de caiaque, parques para fazer piquenique, ciclovias, praias e uma atmosfera ótima para curtir uma atividade ao ar livre. O lugar é encantador, ideal para andar de bicicleta e aproveitar um dia de sol, principalmente no verão.

Mais distante um pouco, a cerca de 140 km de Toronto, fica um dos lugares mais bonitos do Canadá e, para algumas pessoas, um dos lugares mais bonitos do mundo: as Cataratas do Niágara! As quedas d’águas na fronteira entre Canadá e Estados Unidos são maravilhosas e, por estarem próximas à capital da província, encaixam perfeitamente em um passeio bate-volta. Na hora de programar sua viagem a Toronto, reserve ao menos um dia para visitar esse lugar! As cataratas têm uma força d’água impressionante, chegam a ter um volume de água de 2.400m³/s e uma delas tem 792 m de extensão!

 

Curtiu?

Fique de olho no blog para conferir mais dicas de viagem!

E não deixe de aprender Inglês para curtir ainda mais suas viagens!